Mil Homens

literatura. música. arte digital.

Esquece os corpos a cair.
Esquece a morte que há-de vir.

Vem, amor, vem dormir.
Esquece os corpos a cair.

Vem sentir a minha pele.
As marcas d’um mundo cruel.

Quero ver o sol nascer.
Os meus pais envelhecer.

Não consigo respirar.

%d bloggers like this: