Mil Homens

literatura. música. arte digital.

1, 2, 3,
Cala o vento, eu
Já nem sei quem enfrento.

1, 2, 3,
Rasga a pele, eu
Já nem sei quem a bordou.

A, B, C,
Queima a sina, eu
Já nem sei aonde vou.

A, B, C,
Cospe o estigma, eu
Já nem sei que te criou.

Nasce uma cria,
É tão cruel vê-la sofrer.
Extingue uma família,
É tão fácil vê-los morrer.

1, 2, 3,
Chove a terra, eu,
Já nem sei quem enterro.

A, B, C,
Vai p’ra guerra, eu
Já nem sei de que lado estou.

%d bloggers like this: