saudade




amor, é tão bom
ver os corpos a dançar.
eu sei, eu sei, é só raiva.

amor, é tão bom
ver os homens a viver.
eu sei, eu sei, é só laia.

||

amor, é tão bom
ver os vícios a nascer.
eu sei, eu sei, é só mágoa.

amor, é tão bom
rir de quem eu já não sou.
mas eu sei, eu sei, não me salva.

||

eu sei,
é saudade.

||

amor, é tão bom
ver abril nos meus irmãos.
eu sei, eu sei, é só tanga.

amor, é tão bom
rirmos quando a noite vem.
porque eu sei, eu sei, já não tarda.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

<span>%d</span> bloggers like this: